Rebel: Imagens, palavras...a essência... a natureza

Rebel

LOOKING IN WINDOW


R.E.B.E.L - Most View- - Week- Top Ten

segunda-feira, 30 de janeiro de 2017

Silence

Às vezes é melhor ficar calado
deixando
que os outros pensem de você.....
do que abrir a boca
e não deixar nenhuma dúvida 
da sua insensatez,
ou
que não 
és nenhum sábio.
(Abraham Lincoln). 1863.
A vida é feita de silêncios, 
quando calar é preciso e 
precioso,
Se for preciso 
Murmure, 
ou 
fale suave, 
use a fala
comedida, 
até na fala enérgica
nunca aos gritos,
Dose 
onde
for preciso.
Fale,
Escute.. 
Silencie.

Estimulante Ser

....
Quero ser,
cor...

aroma.
Quero 
ver renascer 
um poema...
porque 

quero sentir...
ouvir....
quero 

desejos...
quero 
estar livre... 
quero suprir
vontades...
quero 

estar sensível...
quero ser tua rosa...

Imortal

RED And BLACK
Um poema de amor
tatuado em sua mente..
imortal de nossas vidas...
já não ousava mais sentir...
Aprofundou,
me fez sentir,
desejos,
Ah
aquela  tarde..
que  pouco a pouco,
começou
poderia ser a tarde...
chegou cedo, fantasiada
de magia
estavas..
tão ...
Ah a rosa, 
vermelha, 
o mundo na tua atitude..
a invasão poderosa.
compreendi, 
soou tão diferente...
imortal os momentos. 
Texto e foto
Rebel

Older

....
Fim do..
Envelhecimento. Mas o que é isso...
No futuro,
as pessoas não morrerão
por envelhecimento...
A ideia de quase eternidade
fascina todos humanos.
Envelhecer é uma doença,
e doenças podem vitimar muitas mais pessoas,
que pode ser perfeitamente evitável.
Como uma folha que fenece o envelhecimento  é o resultado de um processo natural de acúmulo de danos e imperfeições no organismo.
A solução deste processo é reparar os danos celulares antes de efeitos graves antes de ser um processo irreparável.
Com o fim do  envelhecimento, virá a solução dos problemas associados a ele como
câncer, demências, problemas cardiovasculares, degeneração macular.
Espanto..talvez com terapias, chegaremos aos mil anos,
E como tudo acontecerá o envelhecimento?
O envelhecimento sempre foi um problema associado a morte então é o mais importante no mundo.
Como mudar isso...
o câncer e mal de Alzheimer.
Temos
a ideia que doenças relacionadas ao envelhecimento, como Alzheimer,
e o câncer são doenças de velho.
E o que elas são então?
Doenças são coisas como tuberculose, coisas que vêm de fora. Você não pode curar as doenças do envelhecimento porque elas são efeitos colaterais do fato de estarmos vivos. Elas surgem 
como consequência do funcionamento 
normal do corpo,
e não há nada que possamos fazer para 
impedi-las.
O que podemos fazer é ser 
criativos e limpar os estágios iniciais
que dão origem a essas doenças,
Como reverter os processos de velhice das células que levam às doenças..
Então uma delas é a limpeza de fato.
Fagocitose e regeneração termo chaves.
Acontecem no corpo  da célula onde
os detritos são eliminados 
senão afetam a maneira como 
as células funcionam.
No corpo este é o processo para destruir esse "lixo" celular.
Mas nem tudo têm a ver com limpeza, então se  células morrem e não são automaticamente repostas. a solução
é repor essas células por terapias com células-tronco.
Este raciocínio dá a presunção de que ninguém morrerá mais de envelhecimento. As causas de morte serão as mesmas durante toda a sua vida, como acidentes.
O risco de morte de um jovem adulto ocidental hoje?
Muito baixa. Se você mantiver essa probabilidade para sempre, então vai viver mais que cem anos, em média.
A ideia de que vamos eliminar a morte por envelhecimento, com terapias para atacar os danos que levam ao envelhecimento
Mas há muitos que se opõem à sua ideia de imortalidade, por considerá-la antinatural.
O papel da tecnologia é lutar contra o que é natural.
Antibióticos não são naturais. 
Você também pode dizer que é natural que os humanos tentem melhorar a situação em que se encontram e manipular a natureza para tornar a nossa vida melhor. O que não é natural é não agir e deixar que coisas terríveis aconteçam.
E se as pessoas consigam viver durante séculos.
a taxa de mortalidade menor, uma consequência seria a superpopulação da Terra, o que poderia significar ter menos filhos ou ter menos acesso a recursos.
Há três respostas para essa pergunta.
Com a invenção de novas tecnologias, vamos aumentar o número de pessoas que o planeta poderá abrigar sem sérios problemas. O desenvolvimento de energias renováveis, por exemplo, será mais rápido do que o aumento na população. Por isso não precisamos nos preocupar.
A segunda resposta é: supondo que eu esteja sendo otimista e que nós de fato teremos um problema grave de superpopulação. O que isso significa? Que a humanidade está enfrentando um dilema entre ter consequências severas para o ambiente e ter menos filhos do que gostaríamos.
Ambas são ruins, mas têm que ser comparadas com a alternativa de não desenvolver mos as terapias que farão as pessoas viver mais. É melhor continuar desse jeito ou ter menos filhos do que gostaríamos? Não é uma decisão difícil.
Mas é certo que ninguém que coneça queira ter alzheimer.
Uma cura do envelhecimento também poderia ter impacto sobre o trabalho. Ou trabalharíamos ainda mais ou o sistema de previdência simplesmente não aguentaria.
Vamos ter carros que dirigem sozinhos e automação em quase todos os trabalhos que temos hoje. Isso significa que todo o conceito de carreira de trabalho não existiria mais. E isso vai acontecer muito antes de curarmos o envelhecimento, nos próximos 20 anos, eu acredito.
E o medo de envelhecer e morrer?
Nós não temos uma ideia, sobre isso na verdade.
Suprimir o  envelhecimento é 
mais uma questão humanitária,
que um objetivo individual.
Acho que o medo  
é mais de envelhecer 
que morrer
não é a palavra certa..

mas aceitamos pois é destino 
e somos obrigados a aceitar.
Mas podemos aceitar viver mais 
ou uma quase eterna juventude, 
e morrer muito mais velho.

domingo, 29 de janeiro de 2017

Red Rose

Ó flor sobrenatural,
perfeita
és bela flor...
és bela no jardim...
um encanto..
nos momentos
que dedicas 
ser apreciada.
Fazem assim 
as
deusas no amor.

Abelha

......
Apenas 
deixá-la livre 
e solta..
De um 
lado o sol,
do outro, 
a flor vermelha..
No meio, 
brilhava a abelha..
face de ouro, 
a que por acaso vi..
foste  
a meu jardim,
recordo a cor
na manhã
em nada 
perdida.
da vida..
Celebro-te  
vendo sugar 
o néctar
Ó flor sobrenatural,
perfeita
A abelha
Acabou-se 
no meu jardim..
Só me restava..
este relato do dourado
sei que  não esperava 
por mim.
és bela na flor...
és bela no campo..
um encanto..
que inveja ver
o momentos
que dedicas 
a sugar o doce..
Fazem assim 
como as
deusas no amor.
Mas o dia ficou 
assim
sem tentar contê-la,
Melhor apreciá-lo 
de longe....

Dawn X

...
Meus 
textos, 
Meus
poemas, 
serão 
sempre
assim...
calorosos,
meigos e sentimentais,
COM MATIZES DO AMANHECER,
a energia  
a inspiração
é mais isso,
não, 
não é
apenas 
um gole de chá diet.
Isso me fez pensar 
em tudo que está
prestes a chegar no dia..
O momento que acordo,
em que 
você sabe pouco
e começa ficar com 
a mente atenta,
e ai tudo vai ser decidido 
e como fazer,
que o seu dia seja brilhante, 
durante minutos ou 
nas 
próximas horas,
até as vezes,
decides algo
para sempre.
xxxxxxxxxx
Com os olhos voltados
para o horizonte,
às vezes 
sei que 
necessito disso..
para
estar desperto.,
Olhos  na manhã
e no amanhã 
estão assim,
os olhos para 
o futuro,
voltados ao sol 
de cada dia.
...
Sentidos 

voltados 
assim,
aos meus pensamentos,
são apegos,
devaneios,
que fazem 
meu tempo 
passar rápido,
então
que o dia 
tenha
sentido,
logo no amanhecer 
até o entardecer..
Bem, 
no meu dia
há mais do que isso...
horas mais tarde,
ando pela cidade, 
vendo jardins,
e lá pelas 19 estou lá 
na 
cobertura
vendo 
o põr do sol..
ai tem matizes do entardecer...
meio dramático até.

Stones

...
O mundo 
é que 
a gente vê
ou
conhece.
Que a  gente 
viu e vê se vive. 
A vida
é como
um filme, 
é memóra,
donde é armazenado 
e bem guardado
e que está 
em minha 
e na 
sua mente.
As
pedras da foto,
são de um prédio antigo,
o primeiro assim 
em Iomerê 
dos anos 30.
Rochas assim,
como
não vê-la...
Abençoe a quem 

se sentar e apreciar.
Perdoe e esqueça...

quem destrói a cidade.
Todos os dias 

que passo ai
claro nem bem todos
percebo que elas já 

não estão lá livre 
como na foto,
só céu no fundo.

Agora é algo deformado e tem ali 
uma casa..
uma igreja...
um mercado,
sei lá
Essa é a história.
Essa é a mensagem 
do progresso,
mas
onde se risca 
algo da memória 
da cidade 
é deplorável.
Ninguém 

entende isso,
ninguém escuta, 

mas sei
que devemos 
preservar.
Se tentar ensiná-los, 

vai
ser em vão, 

eu vou tentar,
talvez

acabar em uma praça
falando sozinho ou
orando frente a igreja

oi sendo
legal vendo 

o chafariz central seco..
Eu não 
crio 
expectativas demasiadas,
em 
relação as pessoas, 
nem 
ao meu dia,
acho que 
cada dia que
vem à baila,
tenho de fazer não 
sei o que,
de que não sei,
enquanto der vou viver 
este jeito descolado, 
não sei onde...
será 
o melhor lugar, 
mas sempre dou uma passada 
por Iomerê 
lá tem uma bela vista 
das montanhas 
e meu sitio 
cheio
de
mata nativa,
pinheiros 
centenários e a bela
cachoeira.
....
Confio que as coisas estão vindo, que vão chegar para mim.
É um tipo de crença."..foi isso que pensei...
Desfrutando da pacatez de cidade...
me levou 
a pensar no ano novo,
Lá é um lugar especialíssimo.
Quando medito, 
é para um lugar assim
que me transporto.
Quando a rotina 
está um pouco pesada,
é para um lugar assim 
que eu me reporto.
Sempre é assim, 
à beira do rio,
debaixo das árvores, 
ou junto as quedas.
...
Este é 
o mundo que conheço 
bem...
dos sensíveis,

dos insensíveis,
Isso que me fez pensar, até que escrever. 
Mesmo quando é um pouco 
mais difícil,
eu prefiro o hoje, 
mas não ignoro o que foi ontem.
Somos tudo que fomos e somos,
riscar o que fomos 
é apagar algo.
Este prédio é do ano 1943.
Esta ai belo ainda.

É tão
tolo esquecer
a história
e
todos 
os ideais 

as alegrias e tristezas
das pessoas que viveram aqui
na cidade,
que a gente 
não sabia 
antes, 
Em meus últimos anos aqui
já tive a decepção, 
de levar um pé na bunda
da prefeitura de Iomerê,
no que diz respeito 
a nossa 
história.
Importa se ela 
não tem tanto 
dinheiro..
mas não precisa de quase
nenhum dinheiro, 
tudo o que ela precisa 
é de vontade
com aqueles 
tem interesse 
histórico,
e sai e não
goza dos 
privilégios 
políticos 
num 
um ambiente 
como este, 
de muita história 
que vive em nós  

em Iomerê desde 
os anos de 1920.

Extremos.

Liberais e conservadores. 
Crentes e descrentes. 
Corvos 
e corujas.
Ser ou não ser.
Vida, 
morte.
De dores,
ou admiração,
todos vivem.
isso,
entre
extremos,
uns aos outros.  
A vida é dual.
entre os dois polos da existência.
Nossas fronteiras.
Um muro,
A barreira,
o céu
que nos separa 
na  incompreensão 
na introversão.
Eis o mundo real  
dos polos opostos.
Livre ou preso, ai esta do 
muito que ocorre na vida, 
fruto da frustração,
do sucesso,
que caminham juntos.
Desprezo 
e quem despreza,
o sucesso
e que não gosta,
é,
eles  bebem 
na fonte comum... 
a satisfação...
a insatisfação.
Entre 
Extremos 
estamos..

Sartre, o filosofo francês... 
"o inferno são os outros" 
se o mal está noutros..
não está em nós.
Seja meu café,
com  
uma linda princesa, 
com quem você dormiu, 
no sonho.
Temos mais momentos
introvertidos 
e desprezados,
que imaginamos
Seremos ou continuamos, 
extrovertidos, 
sociáveis, 
volúveis 
e mandões. 
Todos
os
Seres,
tendem,
canalizar 
seus lamentos internos, 
em
ressentimentos,
ai em parte moram
sua mazelas existenciais 
Artigos 
e livros, 
que 
se 
escrevem..
ou
em blogs.
estão cheios 
de ressentimentos e mazelas.
Ah..
extrovertidos.
você conhece 
muitos,
mas respeita,
sua introspeção,
de quem
interages 
diariamente.
Provavelmente,
um ser que 
está deslumbrado,
falta está introspecção
e
essa pessoa não é você.
Vivemos um mundo cheio 
de pessoas deslumbradas.
Muitas 
vezes
prefiro 
o silêncio 
onde 
não 
há silêncio.


Silêncio,
sei
que 
há um poder em tudo,
num mundo.
Mundo, 
é um mundo  
dos  conseguem
e dos não conseguem..
Sucesso e fracasso.

culpa 
é dos males,
o maior,
que bebe 
na fonte 
seca 
do sucesso.
Na prepotência, 
rumamos
numa exposição 
a riscos demasiados, 
e atos impensados.
Na timidez 
e na introspecção,
sejam encarados 
de diferentes formas.
Pessoas que falam mais 
e mais rápido,
se acham
os,
mais competentes, 
e há os amáveis 
e alguns, sei lá,
até mais inteligentes,
seres assim nos extremos.
Dizem
que pensam menos
são pessoas 
devagar 
ou as pessoas lentas.
Um Einstein,
 "nem E=mc2. 
Lentos ou rápidos
nem 
todos podem ser,
entre
eles
ai mora
um
Paraíso humano.
Mas,
bem já é tarde ou cedo,
não sei a hora sua,
mas assim,
tente outra vez,
mas tente imaginar 
um mundo,
entre extremos.
Bono, 
Bill Clinton 
e Steve Job
sabidamente  
Introvertidos
num mundo 
de
extrovertidos,  
então um mundo,
sem sem extrovertidos 
irreprimíveis..
inspirando,  
divertindo 
e empurrando bugigangas
ou gadgets,
para compras de natal.
fazendo as coisas, 
em casa,
até certo ponto 
não tão necessárias,
até que sei,
nada que seja necessário,
ou dispensável
é sempre,
um pouco de prepotência, 
ou opinião
de alguém 
que quer
dizer ser ditador
ao dizer
que você precisa 
de tal coisa.
Moda, celulares, web,
há muitos ditando moda por ai.
Há sim 
uma
prepotência no mundo, 
que vem
misturada,
um mix,
do politicamente correto,
excesso de comunicabilidade.
Na evolução há os que acham, 
ou não
revelam 
mas,
que há 
um desequilíbrio de forças. 
Entre  os humanos
há diversos traços 
de personalidade,
seres humanos 
altamente sensíveis,
de dom artístico, 
têm muito em comum 
Sensibilidade com arte.
Até  em alguns lugares, 
existem 
os 
inspirados
e
os embotados.
Bom se há os agitados..
e os calmos,
vivemos assim,
com os
seres 
nos
dos dois extremos até no grande canal 
de Veneza
Você sabe
que os agitados são os conseguem 
comida mais depressa, 
e os calmos 
são mais vagarosos 
ou agem devagar, 
tudo se explica 
na teoria da evolução.
Sim há 
os cautelosos 
eles
têm maior chance de evitar redes, 
desde lá nas origens dos humanos.
Na natureza, temos 
os dois 
polos, 
Não há personalidade 
melhor,
ou menor, 
mas sim, 
há,
que encontramos na terra,
toda diversidade,
até hoje mantida,
pela seleção natural.
Há sim,
muitos indivíduos,
que se equilibram 
numa combinação 
de traços de personalidade.
Loiras ou Morenas.
Sabemos
que ser cantor, é ser
falante
como
Bono Vox, 
mas sei
que
ele
tem 
momentos 
de introspecção, quando procura a solidão, 
e relaxa,
silencia,
para escrever suas letras.
A vida é  agitada..
cheia de tensões,
mas há
os dois tipos vivem por ai, 
que há indícios 
que
entre eles sempre alguém
que acha 
que  tem
este cisma,
em
modular ou taxar alguém de
introvertido ou
extrovertido...
Pouco importa selos,
assim  ou assado,
somos todos seres humanos,
tudo
pode e deverá 
ser sempre superado. 
Então se
os extrovertidos 
se dão bem com extrovertidos, 
Os introvertidos 
se dão bem 
com introvertidos.
No amor
se dá assim, 
um diversidade,
dos contrários,
que se combinam,
mais,
eis um fatos 
de sucesso 
num relacionamento,
Combinar. 
Casamentos  e uniões
sempre acolherão 
diferentes tipos de personalidade,
e isso
que faz
casais felizes ou infelizes.
Não se pode dizer o mesmo 
sobre os casamentos entre liberais e conservadores, 
crentes e descrentes 
dos que gostam de acordar cedo 
e os que gostam de dormir tarde.
Calor,
frio.
luz,
penumbra.
Calmo e 
o  agitado
dias são assim..
de extremos..